segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Tormento

Olha como o tempo virou. Segue tudo, mas com uma bagunça descomunal. É ridículo como as coisas acontecem, o mundo gira e não se sabe mais como parar de pé diante de tantos pesadelos.
Arrepia!
É complicado isso tudo, às vezes não entendo, ando perdido. No mundo da lua, alucinado, com tantas coisas acontecendo e isso seguirá, sem parar. Atordoado, louco e completamente perdido, mas sempre procurando como ser e fazer o que é melhor para quem espera o melhor.
Entrando de cabeça eu sigo assim fazendo de tudo que posso e, além de pesado, eu faço com que seja intenso.

Virou, o tempo virou, se foi e não sei como vai ser. O mundo não para, eu também...

Um comentário:

Matheus Viana Machado disse...

É, meu irmão, o mundo gira. Não podemos ficar parados, nem querer que ele pare. É satelite caindo, é a bolsa subindo, é previsão astrológica e prescrição médica a toda hora. O que fazer?